15/05/2009

Deu na Folha de São Paulo...

Deu na primeira página da Folha de São Paulo de hoje:

"O governo admitiu ontem pela primeira vez que a economia brasileira pode ter um crescimento nulo em 2009. 'Acredito que fechamos o ano em torno de 0 a 2% positivos', disse o ministro Guido Mantega (Fazenda). Para o ministro, o país saiu do fundo do poço. A declaração contrasta tanto com o discurso de crescimento de integrantes do governo como com a expectativa oficial de avanço de 2% do PIB."
.
Minha pergunta, assim como de outros brasileiros é: como pode a declaração do Ministro CONTRASTAR com integrantes do governo (crescimento nulo) e expectativa oficial (avanço de 2%) se foi declarado por Mantega "fechamos o ano em torno de 0 a 2% positivos"? A declaração do Ministro não engloba as duas opiniões? Ou entendi errado?

0 comentários:

DEIXE SEU COMENTÁRIO. SUA VOZ É IMPORTANTE.