16/07/2009

Confirmada primeira morte causada pela nova gripe no Rio

O título é do sítio G1. Autoridades dizem estar tudo sob controle. Ainda hoje, eu e minha hérnia, fomos novamente ao Hospital Público da Barra da Tijuca. Na entrada do hospital, vi uma mãe segurando a mão de seu filho, falando com alguém pelo celular. Chorando de modo contido, esta mãe dizia "eles não querem fazer exame pra saber se é a gripe. Em menos de dois minutos o médico olhou e disse que não tinha problema. Deu dipirona e mandou repousar em casa". Vejam bem: não quero dizer com isto que os números da gripe H1N1 no Brasil são baixas e controladas por falta de exames e outras coisas. Apenas relato algo que presenciei e me fez pensar.

0 comentários:

DEIXE SEU COMENTÁRIO. SUA VOZ É IMPORTANTE.