16/12/2009

Manual do baleado carioca

Deu no G1: "Cirurgião do maior pronto socorro do Rio cria 'manual do baleado'." e já repercute por toda a internet. Mas a notícia não é nova, pois este 'manual do baleado', criado pelo médico e cirurgião Antônio Carlos Seixas, circula pelo Rio de Janeiro faz tempo. Já em 2007, o Dr. Seixas explica sua idéia fabulosa para o Rio de Paz:

Em 01/05/2007
Nome: Antonio Carlos das Neves de Seixas
Cidade: Rio de Janeiro - RJ
Mensagem: Elogiando sua atuação, gostaria de dar uma sugestão p/ próxima manifestação. Vendo, há 10 anos, a escalada da violência urbana criei o MANUAL DO BALEADO COM INFORMAÇÕES RESUMIDAS P/ QUANDO A PESSOA FOR BALEADA. Nele não se fala da violência (o que não permite sua proibição). Será um choque p/ a cidade quando virem todos de branco distribuindo p/ população, na orla, em portugues e inglês(p/ estrngeiros) este manual. Seremos a primeira cidade do mundo a ter um MANUAL DO BALEADO distribuido p/ população. Quando os turistas chegarem de volta aos seu paises e confirmarem a qualidade do que consta no manual, a notícia se espalhará pelo mundo. QUE TAL? Esclareço que sou Cirurgião de Torax do H. Souza Aguiar há 30 anos. Se me enviar um e-mail lhe envio o referido. Gostaria que este permitisse também meu cadastramento. Parabens. Continue assim.

Dentre as dicas oferecidas no referido manual, seguem duas:
- Caso seja baleado, não se apavore; só corra se for para não ser mais atingido.
- Caso seja baleado, aguarde de preferência deitado sem beber e comer nada.

0 comentários:

DEIXE SEU COMENTÁRIO. SUA VOZ É IMPORTANTE.