O Che africano e a Terra dos Homens Íntegros

Escrito por Diego Pignones Thomas Sankara foi um militar de Alto Volta, antiga colônia francesa de exploração, sem acesso ao mar e com um...

Escrito por Diego Pignones

Thomas Sankara foi um militar de Alto Volta, antiga colônia francesa de exploração, sem acesso ao mar e com uma larga fronteira com o deserto ao norte. Sankara era um teórico marxista e pan-africanista que acreditava que a África podia resolver sozinha todos os seus problemas, porém o continente deveria ser um bloco unido em decisões e soberano em seu status de Estado.

O ano era 1983, o Capitão Thomas Sankara sobe ao poder e já inicia uma série de reformas sociais e econômicas. Para sinalizar ao mundo o momento do renascimento de seu país ele rebatizou o país para Burkina Faso (Terra dos Homens Íntegros).

Sua política internacional foi centrada no anti-imperialismo e na recusa de ajuda externa, assim, pretendia reduzir a dívida externa e a influência do FMI. Ainda no pacote de reformas econômicas, Capitão Sankara, nacionalizou todas as terras e riquezas minerais.

“Viver africano para viver livre e digno” – Thomas Sankara



No campo social, houve um esforço concentrado na prevenção da fome através do incentivo à auto-suficiência agrária, forte campanha nacional de alfabetização, promoção da saúde pública e gratuita. Além disso, promoveu uma grande campanha de vacinação contra a meningite, febre amarela, sarampo e pólio.

O modelo socialista pan-africanista de Sankara, promoveu um choque cultural na sociedade burquinabê ao reforçar o compromisso com os direitos das mulheres, através da proibição da mutilação genital feminina, dos casamentos forçados e da poligamia. O líder ainda nomeou mulheres aos altos cargos do governo e incentivou a geração de empregos ao sexo feminino em isonomia de gêneros.

No entanto, a revolução burquinabê chamou a atenção dos países capitalistas, da metrópole Paris e daqueles que lucram com África retrógrada. Logo foi articulado um plano para rachar o poder em Burkina Faso e ‘tirar Sankara de cena’. O renascimento da nação pelas mãos de um jovem considerado o ‘Che Guevara africano’ estava sendo muito bem visto pela população de outros países do continente e havia o ‘risco iminente’ de a revolução se espalhar.

O resultado da maligna articulação dos inimigos da África foi um golpe de estado e o assassinato de Thomas Sankara encabeçado por seu amigo Blaise Compaoré. O corpo do Capitão Thomas Sankara foi desmembrado e rapidamente enterrado em uma vala comum. Compaoré reverteu as nacionalizações, derrubou quase todas as políticas revolucionárias e devolveu o país ao jugo do FMI.

Sankara estava preso ao seu modelo de governo, suas convicções e sua conduta, para tanto que quando difamado por seu traidor, os apoiadores de Compaoré invadiram sua casa. Chegaram a uma casa simples, onde tinha um automóvel modesto, quatro motocicletas velhas, três violões, uma frigideira, pouquíssimos e surrados móveis e uma geladeira estragada. Examinando os documentos oficiais do governo de Burkina Faso referentes ao salário de Sankara, constataram que o salário mensal do Capitão era de 450 dólares.



“Pode-se matar líderes revolucionários, mas as idéias permanecem” – Thomas Sankara, semanas antes de seu assassinato.

O documentário “Thomas Sankara – O Homem Íntegro” promove um resgate do processo revolucionário e da experiência social da democracia participativa burquinabê. No filme, o legado de Sankara, desprezado por Compaoré, ressuscita através de imagens originais e depoimentos de líderes africanos, jornalistas, membros do governo revolucionário e estudantes.

Vale a pena conferir:






Anotação na Margem:

- Blaise Compaoré ainda é o presidente de Burkina Faso;

- Texto escrito ao som de Never Mind The Bollocks dos Sex Pistols.

Diego Pignones
Publicitário e pesquisador em Comunicação Social.
Twitter: @diegopignones
                Blog: http://diegopignones.posterous.com


COMMENTS

BLOGGER
Nome

Anna Poulain,5,Apoemático,19,APPs,15,Arte,3,Arte Digital,17,Artigos próprios,105,Artigos reproduzidos,286,Biografias,1,Cinema,7,Citações,20,coluna S I T T A,5,Consumidor,24,Contos,14,Crônicas,7,Cultura,14,Dados estatísticos,17,Depressão Comunica,7,Diálogos,1,Diego Pignones,42,Digital,1,Documentários,119,Educar,23,Ensaios,14,Entrevistas,40,featured,4,Fotografia,42,Games,3,HQ,15,In Memoriam,2,Informe,1,Jornais,25,Jornalismo Literário,7,Língua Inglesa,1,Língua Portuguesa,25,Literatura,31,Machismo,17,Memórias de minha janela,10,Mídia,1298,Música,81,nota,9,Nota.,223,Notificando,3,Outros Blogs,2,Pablo Pascual García,1,Pensamento e Comunicação,57,Pensamentos tupiniquins,196,Pintura,15,Poesia,39,Política Carioca,135,Política Internacional,335,Política Nacional,1003,Q tem pra V,43,Rádio/TV,27,Rapidinhas do Sr Comunica,29,Saúde,18,Teatro,20,Tetraplégicos Unidos,10,Tirinhas,4,Tupi Guarani Nheengatu,8,Viagem,9,Vídeos,37,Web,44,
ltr
item
COMUNICA TUDO: O Che africano e a Terra dos Homens Íntegros
O Che africano e a Terra dos Homens Íntegros
http://1.bp.blogspot.com/-PKap4ee4b04/TyNcuskZyGI/AAAAAAAACxQ/SxN_xBLNm8I/s400/Thomas-Sankara+1.jpg
http://1.bp.blogspot.com/-PKap4ee4b04/TyNcuskZyGI/AAAAAAAACxQ/SxN_xBLNm8I/s72-c/Thomas-Sankara+1.jpg
COMUNICA TUDO
http://www.marcelodamico.com/2012/01/o-che-africano-e-terra-dos-homens.html
http://www.marcelodamico.com/
http://www.marcelodamico.com/
http://www.marcelodamico.com/2012/01/o-che-africano-e-terra-dos-homens.html
true
4187826622770269860
UTF-8
Loaded All Posts Not found any posts VIEW ALL Readmore Reply Cancel reply Delete By Home PAGES POSTS View All RECOMMENDED FOR YOU LABEL ARCHIVE SEARCH ALL POSTS Not found any post match with your request Back Home Sunday Monday Tuesday Wednesday Thursday Friday Saturday Sun Mon Tue Wed Thu Fri Sat January February March April May June July August September October November December Jan Feb Mar Apr May Jun Jul Aug Sep Oct Nov Dec just now 1 minute ago $$1$$ minutes ago 1 hour ago $$1$$ hours ago Yesterday $$1$$ days ago $$1$$ weeks ago more than 5 weeks ago Followers Follow THIS CONTENT IS PREMIUM Please share to unlock Copy All Code Select All Code All codes were copied to your clipboard Can not copy the codes / texts, please press [CTRL]+[C] (or CMD+C with Mac) to copy