18/02/2012

Pinterest desponta como rede social promessa para 2012



O site permite organizar e compartilhar imagens que o usuário encontra pela web em poucos cliques, além de ser uma vitrine virtual para lojas

Por Vinicius Aguiari, de 

São Paulo - 2012 está no começo mas já tem sua candidata a nova rede social do ano. Trata-se do Pinterest, serviço para colagem de imagens e vídeos em um mural virtual. O site permite organizar e compartilhar imagens que o usuário encontra pela web em poucos cliques, além de ser uma vitrine virtual para lojas. Na prática, é como um mural de recados preenchido de coisas belas.

O serviço foi lançado em março de 2010 e tem crescido nos últimos meses. De acordo com a comScore, o Pinterest já é oitava rede social mais popular nos Estados Unidos, com 4,8 milhões de usuários - para comparação, o Google+ tem 15,2 milhões.

Ao mesmo tempo, é o terceiro em tempo gasto, atrás somente do Facebook e do Tumblr, que possuem média de 394 e 141 minutos por usuário, respectivamente, contra 88 minutos do Pinterest. O nome é um acrônimo das palavras pin (alfinete) e interest (interesse).

Como outras redes sociais como o Tumblr, o serviço permite curtir e republicar “pins” de outros usuários. Após criar uma conta, o usuário pode dividir seu mural em diversos quadros temáticos. Moda, estilo de vida, fotografia, artes, comida e bebida, arquitetura, música e alimentação são alguns dos mais populares.
Loja virtual
O Pinterest também funciona como uma vitrine virtual - é aqui que ele se torna interessante para as empresas. Na seção Gifts, o usuário pode encontrar diversos itens disponíveis para a compra divididos por faixa de preço ($1–20, $20–50, $50–100, $100–200, $200–500, $500+). Após acessar um item, o cliente pode ir diretamente para o site da loja.

De acordo com um relatório da empresa Shareaholic, o Pinterest já direciona tanto acesso para lojas dos Estados Unidos quanto o Twitter (3,6%), só ficando atrás do Facebook (26,4%), Stumbleupon (5%) e do Google (3,6%).

Nesta semana, o serviço levou o prêmio The Crunchies Award, ofertado pelos blogs VentureBeat, GigaOm e TechCrunch, como melhor nova startup. Também foi listado pela revista Time como um dos 50 melhores sites de 2011. A empresa está baseada em Palo Alto, na Califórnia. Resta saber se vai cair no gosto do usuário brasileiro.

0 comentários:

DEIXE SEU COMENTÁRIO. SUA VOZ É IMPORTANTE.