14/06/2013

Policial pilhado quebra vidro da própria viatura



A cena gravada neste vídeo conta muito sobre o que está acontecendo em São Paulo nestes dias em que jovens estudantes decidiram ir às ruas protestar contra o aumento do ‘busão’ – e muitas coisas mais, naturalmente.

Um policial foi pilhado quebrando o vidro da própria viatura sabe-se muito bem com que finalidade – culpar os vândalos, armados com uma perigosa arma chamada vinagre.



Quanto os protestos tocaram fundo na insatisfação da sociedade com o rumo das coisas se vê nas pesquisas.

A despeito da cobertura vergonhosamente condenatória da mídia, a população de São Paulo apoia os manifestantes, como mostra uma pesquisa do Datafolha.

Não é surpresa para o Diário: uma enquete aponta a mesma coisa. Mais da metade de nossos leitores é a favor do movimento. Um quarto não tem opinião formada. E apenas o restante é contra.

Cenas tragicômicas apareceram na aferição do que pensam os paulistanos. Circulou na internet ontem um vídeo em que Datena pergunta aos espectadores o que eles acham.

A enquete estava no ar, e a resposta era positiva para o MPL, para desconforto de Datena. Então ele, numa manipulação desonesta, resolveu mudar a questão. Quis saber se as pessoas apoiavam ‘a baderna’.

A irritante desigualdade brasileira – isso é claro – está por trás dos protestos nascidos do preço dos busões Brasil afora.

O PT, que procura ridiculamente se vitimizar em São Paulo, não controla a garotada descontente, e isso é muito bom para o Brasil.

E até para o PT porque a mensagem é clara: os jovens, que graças a Deus não enxergam em Lula Deus e em Dilma Nossa Senhora, estão dizendo que se o partido não se sacudir vai ter o mesmo fim melancólico do PSDB.

(Publicado no DCM)

0 comentários:

DEIXE SEU COMENTÁRIO. SUA VOZ É IMPORTANTE.