16/03/2017

Programa pioneiro pode transformar Itu em um polo paradesportivo


Itu está implantando um projeto pioneiro que visa a inclusão social de crianças e adolescentes com deficiência por meio da prática de esportes. A intenção é transformar o município no primeiro polo nacional paradesportivo de desenvolvimento de jovens, de olho nas Paralimpíadas Escolares, considerado o maior evento paralímpico escolar do mundo.

O Peafa (Programa de Esportes e Atividades Físicas Adaptadas) é uma iniciativa da Seme em parceria com o Comitê Paralímpico Brasileiro. O programa também conta com o suporte de docentes e alunos de pós-graduação da Faculdade de Educação Física da Universidade Estadual de Campinas (FEF/Unicamp), Secom, Serviço Social da Indústria (Sesi) – Itu, e instituições/associações educacionais e esportivas locais destinadas a pessoas com deficiência.

O público alvo é formado por pessoas com deficiência física, visual ou intelectual de Itu e região. As modalidades que serão desenvolvidas fazem parte das Paralimpíadas Escolares e também as inseridas nos quadros de medalhas para os Jogos Paralímpicos de Tóquio 2020. São elas: Atletismo, Bocha Adaptada, Goalball – Futebol de 5, Natação, Parabadminton, Parataekwondo e Vôlei Sentado.

A prática gratuita dessas modalidades ocorrerá nas dependências do Sesi/Itu, em datas e horários que serão divulgados oportunamente.

Equipamentos

O programa já recebeu a doação de quatro bolas de Goalball, um par de raquetes e petecas para iniciação ao Parabadminton, bolas para o Vôlei Sentado, quatro bolas com guizos internos. Em breve, receberá também kits para bocha adaptada. O atletismo e a natação para pessoas com deficiência já são desenvolvidos em Itu com os materiais e recursos humanos disponibilizados pela Seme.

Professores de Educação Física das Secretarias Municipais de Esportes e Educação participarão de curso de capacitação curricular gratuita para o ensino do esporte adaptado no contexto escolar e iniciação paradesportiva oferecidos pela Secretaria de Esportes e da Educação com parceiros do projeto.

Foto – Moura Nápoli

INFORME: Independente, o Comunica Tudo é mantido por uma única pessoa, com colaborações eventuais. Apoie este projeto: clique nas publicidades ou contribua.

0 comentários:

DEIXE SEU COMENTÁRIO. SUA VOZ É IMPORTANTE.