Record afirma que delação de Palocci envolve a Globo

Depois de passar os últimos dias anunciando que “um grande grupo de comunicação” poderia ser inserido no escândalo da Operação Lava Jat...


Depois de passar os últimos dias anunciando que “um grande grupo de comunicação” poderia ser inserido no escândalo da Operação Lava Jato, a Record TV exibe reportagem garantindo que o ex-ministro Antonio Palocci planeja denunciar a TV Globo em acordo de delação premiada. Emissora de Edir Macedo chega a creditar o site da revista Veja e o blog mantido pelo jornalista Reinaldo Azevedo

A Record TV dedicou 16 minutos de sua revista eletrônica semanal, o ‘Domingo Espetacular’, à exibição da matéria que tem como personagens centrais o ex-ministro da Fazenda e da Casa Civil, Antonio Palocci, e a maior emissora de televisão em audiência do país, a TV Globo. Com reportagem de Luiz Carlos Azenha, o conteúdo levado ao ar nesta noite garante que as informações guardadas pelo político podem levar à investigação de denúncias envolvendo sonegação fiscal, criação de empresa de fachada no exterior e negócios fraudulentos para aquisição dos direitos de transmissão da Copa do Mundo de 2002.

Com a marcação de “exclusivo” na televisão e no R7, braço da Record na internet, a reportagem exibe na tela a nota publicada pela coluna ‘Radar On-line’ no último dia 8. O espaço vinculado ao site da revista Veja e editado pelo jornalista Mauricio Lima garantiu que a delação de Palocci, que estaria “prestes a ser concluída”, conta com anexo relacionado a “questões fiscais” envolvendo a Globo. Na televisão, a reportagem do ‘Domingo Espetacular’ diz que a emissora da família Marinho “quase quebrou” no início dos anos 2.000 por causa de “maus negócios”. Na época, segundo o material apresentado, o canal “montou um esquema” para adquirir os direitos de exibição da Copa do Mundo de 2002.

Sobre o assunto da transmissão do mundial de futebol realizado na Coreia do Sul e no Japão, Azenha se baseia em documentos da Receita Federal. De acordo com o repórter, os arquivos informam que “a Globo conseguiu comprar os direitos de transmissão da Copa do Mundo sem pagar impostos no Brasil”. O jornalista ressalta que isso caracteriza uma “operação fraudulenta” — que ocorreu por meio da criação de uma empresa chamada Empire. A matéria destaca, contudo, que as investigações por parte da Receita Federal só começaram em 2005 e repercutiram na imprensa oito anos depois, em 2015, graças ao jornalista Miguel do Rosário — que falou do tema no blog O Cafezinho.

“A Globo deveria simplesmente ter comprado os direitos de transmissão e pago os impostos. E ela não fez isso. Ela criou uma série de empresas para que uma dessas empresas herdasse os direitos e esses direitos passem para a Globo como que por osmose”, disse Miguel do Rosário à equipe de produção da Record TV. Com a declaração do jornalista, a matéria do ‘Domingo Espetacular’ afirma que a emissora carioca usou “empresas de papel” para enviar capital a quatro países: Uruguai, Antilhas Holandesas, Países Baixos e Ilhas Virgens Britânicas (onde havia sido criada a empresa Empire). A Empire oficialmente comprou a exibição da Copa de 2002, sendo dissolvida após a negociação e tendo repassado seus bens à Globo. “Com essa manobra, a família Marinho deixou de pagar mais de R$ 170 milhões em impostos no Brasil”, enfatiza Azenha.
Record fala do furto de documento sobre a Globo

A reportagem cita o episódio envolvendo a ex-servidora da Receita Federal no Rio de Janeiro, Cristina Maris Ribeiro, que furtou documentos relacionados à Globo. A matéria informa de que ela chegou a ser presa, mas foi libertada menos de uma semana depois e segue em liberdade mesmo tendo sido condenada a mais de quatro anos de reclusão. As informações sobre a ex-servidora foram divulgadas em 2013 por outros veículos de comunicação. Em julho daquele ano, a Folha relatou que Cristina foi condenada por também favorecer outras empresas. O jornal paulistano também divulgou na época que a Globo tinha aderido ao Programa de Recuperação Fiscal (Refis) para ficar em dia com a Receita – outro ponto detalhado pelo ‘Domingo Espetacular’. A denúncia da Record destaca, entretanto, que o acordo fez a emissora da família Marinho pagar R$ 1 bilhão, mas que a própria deixou de contribuir com “outro bilhão”.
Delação, Palocci, Globo, Record e… Reinaldo Azevedo

A parte final da reportagem de 16 minutos da Record dá conta de que “ganhou força” a informação de que Antonio Palocci pode comprometer a Globo no acordo de delação premiada com o Ministério Público Federal. Para isso, o programa da emissora de Edir Macedo exibiu na tela a postagem feita pelo jornalista Reinaldo Azevedo no blog que mantém no site da Rede TV. No conteúdo publicado no dia 10 de julho, Reinaldo afirma o acordo preparado pelo ex-ministro dos governos Lula e Dilma tem anexo de negociação fiscal envolvendo o PT e a TV Globo. “Mas o jornal Valor Econômico noticiou que a delação não deve sair”, comenta Luiz Carlos Azenha, a respeito de reportagem do impresso que circulou no mesmo dia 10. “Só que o jornal que diz isso é de propriedade da família Marinho”, completa o jornalista.

O repórter da Record finaliza a matéria destacando que enviou perguntas para a Globo, mas ficou sem respostas. Até o início da madrugada desta segunda-feira, 17, o canal carioca não se pronunciou oficialmente a respeito do conteúdo veiculado na última edição do ‘Domingo Espetacular’.


(Via Comunique-se)

VOCÊ é muito importante para nós. Queremos ouvir SUA VOZ. Deixe seu comentário abaixo, após 'Related Posts'. Apoie este projeto: clique nas publicidades ou contribua.

COMMENTS

BLOGGER
Nome

Anna Poulain,5,Apoemático,19,APPs,15,Arte,3,Arte Digital,17,Artigos próprios,105,Artigos reproduzidos,286,Biografias,1,Cinema,7,Citações,20,coluna S I T T A,5,Consumidor,24,Contos,14,Crônicas,7,Cultura,14,Dados estatísticos,17,Depressão Comunica,7,Diálogos,1,Diego Pignones,42,Digital,1,Documentários,119,Educar,23,Ensaios,14,Entrevistas,40,featured,4,Fotografia,42,Games,3,HQ,15,In Memoriam,2,Informe,1,Jornais,25,Jornalismo Literário,7,Língua Inglesa,1,Língua Portuguesa,25,Literatura,31,Machismo,17,Memórias de minha janela,10,Mídia,1298,Música,81,nota,9,Nota.,223,Notificando,3,Outros Blogs,2,Pablo Pascual García,1,Pensamento e Comunicação,57,Pensamentos tupiniquins,196,Pintura,15,Poesia,39,Política Carioca,135,Política Internacional,335,Política Nacional,1003,Q tem pra V,44,Rádio/TV,27,Rapidinhas do Sr Comunica,29,Saúde,18,Teatro,20,Tetraplégicos Unidos,10,Tirinhas,4,Tupi Guarani Nheengatu,8,Viagem,10,Vídeos,37,Web,44,
ltr
item
COMUNICA TUDO: Record afirma que delação de Palocci envolve a Globo
Record afirma que delação de Palocci envolve a Globo
https://1.bp.blogspot.com/-PiIntEtKC9M/WWyzkSa912I/AAAAAAAAOnY/sdQ4ff25cOgF2HCPOsr4ac-_Gm2Sc06EQCK4BGAYYCw/s640/Record%2Bafirma%2Bque%2Bdela%25C3%25A7%25C3%25A3o%2Bde%2BPalocci%2Benvolve%2Ba%2BGlobo%2Bcomunica%2Btudo.jpg
https://1.bp.blogspot.com/-PiIntEtKC9M/WWyzkSa912I/AAAAAAAAOnY/sdQ4ff25cOgF2HCPOsr4ac-_Gm2Sc06EQCK4BGAYYCw/s72-c/Record%2Bafirma%2Bque%2Bdela%25C3%25A7%25C3%25A3o%2Bde%2BPalocci%2Benvolve%2Ba%2BGlobo%2Bcomunica%2Btudo.jpg
COMUNICA TUDO
http://www.marcelodamico.com/2017/07/record-afirma-que-delacao-de-palocci.html
http://www.marcelodamico.com/
http://www.marcelodamico.com/
http://www.marcelodamico.com/2017/07/record-afirma-que-delacao-de-palocci.html
true
4187826622770269860
UTF-8
Loaded All Posts Not found any posts VIEW ALL Readmore Reply Cancel reply Delete By Home PAGES POSTS View All RECOMMENDED FOR YOU LABEL ARCHIVE SEARCH ALL POSTS Not found any post match with your request Back Home Sunday Monday Tuesday Wednesday Thursday Friday Saturday Sun Mon Tue Wed Thu Fri Sat January February March April May June July August September October November December Jan Feb Mar Apr May Jun Jul Aug Sep Oct Nov Dec just now 1 minute ago $$1$$ minutes ago 1 hour ago $$1$$ hours ago Yesterday $$1$$ days ago $$1$$ weeks ago more than 5 weeks ago Followers Follow THIS CONTENT IS PREMIUM Please share to unlock Copy All Code Select All Code All codes were copied to your clipboard Can not copy the codes / texts, please press [CTRL]+[C] (or CMD+C with Mac) to copy