Método inovador ensina violão utilizando folclore brasileiro e inclusão social

#ComunicaTudo - Criado e mantido por Marcelo D'Amico desde 2008. Revista digital de comunicação, política, notícias, artes, entrevistas e mais.


Violonista e educador, Max Riccio lança método inovador para ensino de violão com proposta de inclusão social e fundamentado no folclore brasileiro

Ao longo das últimas décadas, os trabalhos desenvolvidos na área da educação musical vêm se aperfeiçoando e seus métodos passaram a ter um cuidado maior ao aliar arte, técnica e conteúdo. Apesar destas mudanças, os trabalhos voltados para a iniciação musical ainda são pouco adotados pelos profissionais, que, em sua maioria, utilizam empiricamente seus conhecimentos adaptados para o universo iniciante. Talvez pelo fato dos músicos, em geral, objetivarem o seu próprio desenvolvimento como instrumentistas e galgarem postos nos meios acadêmicos, faça com que, muitas vezes, se distanciem do ensino do instrumento para os novatos, especialmente se forem crianças. Foi pensando na importância de lhes oferecer uma educação musical ou violonística de qualidade que o violonista e educador Max Riccio lança o método “O violão entrou na roda – um guia prático para principiantes” (Editora Irmãos Vitale), visando, principalmente, a inclusão e também ao surgimento de novos bons profissionais e à ampliação de novas plateias, conhecedora dos encantos e desafios que o instrumento apresenta.

Neste guia, Max criou arranjos coletivos para grupos de violões, baseados no folclore brasileiro e estruturados de forma lúdica, podendo ser usados em diversas situações (como aulas individuais ou em grupo), permitindo aos professores a flexibilidade de manusear os conteúdos de acordo com as suas necessidades. Baseado em anos de experiência lecionando gratuitamente no Projeto Social da Associação de Violão do Rio (AVRio) para faixas etárias mais jovens (de 8 a 13 anos), o violonista oferece, através deste guia, uma alternativa à literatura de iniciação ao violão do nosso país, buscando proporcionar um aprendizado seguro para o iniciante e ao mesmo tempo versátil para o professor de ensino coletivo.

Para o guia foram selecionadas canções do livro “500 Canções Brasileiras”, da renomada pesquisadora Ermelinda A. Paz, que não hesita em inserir o autor no hall dos maiores educadores musicais, autores de importantes trabalhos didáticos voltados para o ensino do violão, como Henrique Pinto, Isaías Sávio, Silvana Mariani e Turíbio Santos - todos eles autores de livros que são referência na área. Especialmente no que tange ao trabalho com o folclore e à cultura oral, pilares do livro “500 Canções Brasileiras”, um campo ao qual se somam ainda criadores como Albéniz, Camargo Guarnieri, De Falla, Dvorák, Glinka, Grieg, Granados, Itiberê, Janacek, Kodály, Rimsky-Korsakov, Sibelius, Siqueira, Smetana, Villa-Lobos e a educadores musicais como Anamaria Peixoto e Linda Kruger, Emma Garmendia, Joel Barbosa, Shinichi Suzuki e Violeta Gainza. Segundo a pesquisadora, “Max Riccio soma em qualidade os anteriormente citados. Para mestres e aprendizes esse é um método de grande importância e que deve estar à cabeceira dos violonistas que buscam introduzir através da música de tradição oral os pequenos aprendizes do instrumento violão”.

A partir de sua própria vivência e inicialização no instrumento, o autor aprimorou-se como educador, desenvolvendo metodologias que considerassem os diferentes públicos iniciantes. Após um aprendizado autodidata, usando cifra e “tocando de ouvido”, Max experimentou a dificuldade comum aos iniciantes de corrigir os próprios “vícios” desenvolvidos nessa iniciação inconsistente. A partir de aulas com professores qualificados, deparou-se com colegas desistindo, frente às dificuldades no aprendizado. “Nunca aceitei isso, temos que criar caminhos para atingir os objetivos desejados, principalmente quando há motivação para aprender”, aponta o autor.

Após sua qualificação profissional, e tendo decidido dedicar-se ao ensino de violão, começou a observar que cada aluno ou grupo de nível inicial demonstra dificuldades e interesses específicos. Algumas crianças querem apenas fazer uma prática musical divertida. Já determinados adolescentes pretendem ser músicos profissionais, enquanto outros somente desejam tocar músicas de seus ídolos. Uma parte dos adultos buscam as experiências auditivas da sua adolescência, enquanto outros ambicionam poder exercer uma atividade profissional na música. E finalmente, alguns idosos visam exercer uma prática social através da música.

Foi pensando nesta amplitude e na importância da figura do educador nesta condução que este guia começou a se materializar. A diversidade de objetivos se amplia quando se aborda estilos ou linguagens musicais específicas que estão intimamente conectadas ao violão, como a música popular ou clássica, o flamenco ou samba, o choro e a bossa-nova. E ainda existem as variantes ligadas à situação didática, que a grosso modo podem ser simplificados para ensino coletivo ou individual. “São infinitas as combinações. Com isso, o didata é obrigado em muitas situações a trilhar diversos caminhos metodológicos, e não são raros os casos em que não consegue adequar o ensino às vontades e aspirações de determinados alunos”, ressalta o educador. “Foi pensando cuidadosamente em cada um desses pontos que arranjei as músicas da forma mais simples e progressiva possível. Entretanto, como o escopo do livro é limitado, nas suas atividades didáticas o mestre pode adaptar essa metodologia de arranjos para qualquer repertório”, afirma.

O guia está dividido em três partes. Na primeira (Manual Técnico), estão os índices organizados por assuntos e de forma progressiva, que nortearão a organização técnica, instrumental e musical dos arranjos da Parte II, e ajudarão o professor na busca por conteúdos específicos, tanto musicais quanto relativos à técnica violonística. A segunda parte (Tocando e cantando) traz ilustrações lúdicas e os arranjos já apresentam várias vozes (partes), que podem ser tocados e cantados juntos. Na terceira e última parte (Violão Solo), foram elaborados arranjos que unem os conteúdos técnicos e musicais desenvolvidos na Parte II, assim desenvolvendo novas habilidades instrumentais de forma progressiva preparando o aluno para explorar o vasto repertório violonístico que abrange desde a renascença até os dias atuais, passando por todos os períodos estilísticos. Alguns destes arranjos são de autoria do consagrado professor, violonista e compositor Luis Carlos Barbieri.

MAX RICCIO

Natural de Natal-RN, se formou Bacharel em Violão pela Escola de Música da UFRJ. É Mestre pela UNIRIO no programa de Mestrado Profissional (PROEMUS/UNIRIO), desenvolvendo o livro O violão entrou na roda: um guia prático para principiantes.

Comprar online
https://www.vitale.com.br/sistema/produtos/produto.asp?codigo=40039

Max Riccio
https://m.facebook.com/maxriccioguitarist/


VOCÊ é muito importante para nós: queremos ouvir sua voz. Deixe um comentário após 'Related Posts'. Apoie o #ComunicaTudo: clique nas publicidades ou contribua. Saiba mais através do email marceloaugustodamico@gmail.com

COMMENTS

BLOGGER: 1
Loading...
Nome

Anna Poulain,8,Apoemático,19,APPs,16,Arte,12,Arte Digital,17,Artigos próprios,105,Artigos reproduzidos,286,Biografias,1,Cinema,10,Citações,20,coluna S I T T A,5,Consumidor,24,Contos,14,Crônicas,7,Cultura,14,Dados estatísticos,17,Depressão Comunica,11,Diálogos,1,Diego Pignones,44,Digital,1,Documentários,124,Educar,30,Ensaios,14,Entrevistas,44,Fabio Nogueira,18,featured,4,Fotografia,45,Games,3,HQ,16,In Memoriam,4,Informe,1,Jornais,26,Jornalismo Literário,7,Língua Inglesa,1,Língua Portuguesa,25,Literatura,38,Machismo,17,Memórias de minha janela,10,Mídia,1303,Música,107,nota,9,Nota.,223,Notificando,3,Outros Blogs,2,Pablo Pascual García,1,Pensamento e Comunicação,57,Pensamentos tupiniquins,196,Pintura,20,Poesia,40,Política Carioca,141,Política Internacional,340,Política Nacional,1022,Q tem pra V,87,Rádio/TV,29,Rapidinhas do Sr Comunica,29,Saúde,24,Teatro,36,Tetraplégicos Unidos,17,Tirinhas,4,Tupi Guarani Nheengatu,8,Viagem,17,Vídeos,52,Web,45,
ltr
item
COMUNICA TUDO: Método inovador ensina violão utilizando folclore brasileiro e inclusão social
Método inovador ensina violão utilizando folclore brasileiro e inclusão social
#ComunicaTudo - Criado e mantido por Marcelo D'Amico desde 2008. Revista digital de comunicação, política, notícias, artes, entrevistas e mais.
https://4.bp.blogspot.com/-fwtBV6A9LDc/WwvzjBl6mZI/AAAAAAAARbo/PwEJ-IhlQ18LuFkP0FLso9VnNqAbovvbwCK4BGAYYCw/s400/M%25C3%25A9todo%2Binovador%2Bensina%2Bviol%25C3%25A3o%2Butilizando%2Bfolclore%2Bbrasileiro%2Be%2Binclus%25C3%25A3o%2Bsocial%2BCOMUNICA%2BTUDO.jpg
https://4.bp.blogspot.com/-fwtBV6A9LDc/WwvzjBl6mZI/AAAAAAAARbo/PwEJ-IhlQ18LuFkP0FLso9VnNqAbovvbwCK4BGAYYCw/s72-c/M%25C3%25A9todo%2Binovador%2Bensina%2Bviol%25C3%25A3o%2Butilizando%2Bfolclore%2Bbrasileiro%2Be%2Binclus%25C3%25A3o%2Bsocial%2BCOMUNICA%2BTUDO.jpg
COMUNICA TUDO
http://www.marcelodamico.com/2018/05/metodo-inovador-ensina-violao.html
http://www.marcelodamico.com/
http://www.marcelodamico.com/
http://www.marcelodamico.com/2018/05/metodo-inovador-ensina-violao.html
true
4187826622770269860
UTF-8
Loaded All Posts Not found any posts VIEW ALL Readmore Reply Cancel reply Delete By Home PAGES POSTS View All RECOMMENDED FOR YOU LABEL ARCHIVE SEARCH ALL POSTS Not found any post match with your request Back Home Sunday Monday Tuesday Wednesday Thursday Friday Saturday Sun Mon Tue Wed Thu Fri Sat January February March April May June July August September October November December Jan Feb Mar Apr May Jun Jul Aug Sep Oct Nov Dec just now 1 minute ago $$1$$ minutes ago 1 hour ago $$1$$ hours ago Yesterday $$1$$ days ago $$1$$ weeks ago more than 5 weeks ago Followers Follow THIS CONTENT IS PREMIUM Please share to unlock Copy All Code Select All Code All codes were copied to your clipboard Can not copy the codes / texts, please press [CTRL]+[C] (or CMD+C with Mac) to copy